OLIMCIFAS: Alegre lembrança com retorno programado
29 ABL 2020
Por Arceno Athas
00:00

Neste 2020, como em todos os outros anos, o trabalhador tem seu dia comemorativo no primeiro de maio, instituído mundialmente para homenagear aquele que, de sol a sol, cede seu suor e sua competência para o conforto de uma boa parcela da humanidade. E é justo que seja lembrado com o respeito que merece.

A ACIFAS, ao longo de sete anos sequentes, criou um evento que até hoje figura como uma das lembranças mais alegres entre todos os que promoveu nesta última década. As competições entre dez setores da cidade no campo esportivo - futebol, vôlei, basquete, truco, sinuca e outros que tais - brindavam Fátima do Sul com um ar leve de festa e confraternização entre empregadores, empregados e familiares, que culminava com um lauto churrasco, oferecido por conta a todos os envolvidos.

Mas aí vieram as crises, de tipos variados. E faz cinco anos que a entidade deixou de realizar o evento, dadas circunstâncias variadas, entre elas a dificuldade de recursos para "bancar" os custos, que cresceram velozmente, vítima de uma inflação que, parece, só agora começa a ser estancada.

A ACIFAS, entretanto, não perde a esperança de retornar com as disputas saudáveis da OLIMCIFAS, e com a confraternização que sempre estreita as relações entre as pessoas. Passada a tristeza de hoje, motivada pelo Coronavirus, a alegria deverá - sem alternativas - retornar amanhã com motivação redobrada. É o que se planeja e o que se espera possa ocorrer a médio prazo.